Conselhão aprova recomendações para a Saúde

Posted on Posted in SAÚDE
Compartilhe:Tweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Facebook
Agenda 2002 esteve representada

Da Agenda – O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Cdes-RS) aprovou, nesta terça-feira  2/10, uma nota de recomendação contendo contribuições para aprimorar o financiamento da saúde pública no RS.

A deliberação ocorreu durante reunião da Câmara Temática de Saúde, com base nos consensos identificados nas discussões do colegiado.

O documento será encaminhado ao governador Tarso Genro  e defende a necessidade de elaboração de um plano estadual de saúde e a ampliação do papel de gestor do governo do Estado, entre outras recomendações.

O representante da Agenda 2020 neste grupo de trabalho é Claudio José Allgayer,  coordenador do Fórum Temático de Saúde do movimento.

Os voluntários da Agenda 2020,  abordam  o sistema de saúde a partir de quatro eixos: acesso, gestão, qualidade da assistência e financiamento, onde o acesso constitui-se em fator preponderante.

Os problemas na marcação de consultas, em particular nas consultas especializadas, na realização de exames, na limitação de leitos gerais e em unidades de terapia intensiva, segundo os voluntários da Agenda, acarretam consequências graves à vida dos pacientes e seus familiares.

Para os especialistas, a superação dessas deficiências depende, em grande parte, de uma maior e melhor integração entre os sistemas público e privado de saúde.

– Cada vez mais se percebe a necessidade de uma sólida conexão entre o SUS e o sistema suplementar de saúde, com incentivos adequados e mecanismos inteligentes de subsídio que efetivamente  beneficiarão os pacientes –  ressalta Allgayer.

(Com informações do Governo do Estado)

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *