Sinaleira 2020

No trânsito, a sinaleira utiliza uma linguagem simples e por isso de fácil assimilação. É composta geralmente por três círculos de luzes coloridas em vermelho, amarelo e verde, com cada cor representando uma ação a ser obedecida por motoristas e pedestres. Verde para seguir em frente, amarelo como sinal intermediário de alerta e o vermelho que nos impede de avançar.

E se houvesse uma sinaleira do Rio Grande do Sul? Um sinal em cada “esquina” do Estado para mostrar onde podemos avançar e onde devemos ter atenção?

Pensando nisso, a Agenda 2020 apresenta a Sinaleira 2020. Mais de 50 indicadores socioeconômicos representando cada uma dessas esquinas. Todas com suas respectivas sinaleiras ilustrando se estamos no vermelho, amarelo ou verde. Por exemplo, as finanças públicas do RS. É sabido que a situação de déficit se estende há décadas, portanto, sinal vermelho. E a produtividade das lavouras gaúchas? A média de produção, sobretudo de grãos, é muito boa, logo, luz verde. Mas não para por aí. Ao clicar em cada sinaleira, o visitante da página encontra um conjunto de gráficos mostrando uma série histórica da real situação de cada indicador e um pequeno texto explicativo referente a cada imagem. É compromisso da Agenda 2020 manter os dados sempre atualizados com os resultados mais recentes.

O objetivo da Sinaleira 2020 é não apenas mostrar o panorama, mas tentar explicar o porquê. Estudando a fundo o histórico do Estado e os dados mais atuais é como começamos a entender a situação em que nos encontramos e podemos encontrar um meio de crescer.